PT:Calendário romano

From NovaRoma
(Difference between revisions)
Jump to: navigation, search
 
Line 2: Line 2:
  
 
No calendário usado pelos romanos, os anos são contados ''ab urbe condita (AUC)'', isto é, "desde a fundação da cidade".
 
No calendário usado pelos romanos, os anos são contados ''ab urbe condita (AUC)'', isto é, "desde a fundação da cidade".
 +
 +
Originalmente o calendário romano era, o que agora é considerado, um calendário lunissolar<ref>[http://en.wikipedia.org/wiki/Lunisolar_calendar Wikipedia (English): Lunisolar Calendar]</ref>. Esse tinha como intenção alinhar os calendários solar e lunar através dos meios de intercalação<ref>{{Scheid}}</ref>.
 +
 +
===As Calendas, as Nonas e os Idos===
 +
 +
O calendário romano operava através do uso de três dias principais (as Calendas, as Nonas e os Idos), e eram referência a todas as outras [[Roman_dates|datas]] fornecidas.
 +
 +
====As Calendas====
 +
 +
As Calendas (''Kalendae''), as quais eram sempre o primeiro dia do mês, eram sagradas a [[Iuno]]. O primeiro dia do mês, seguindo a operação da parte lunar do calendário, era o dia em que a Lua Nova aparecia. Nesse dia o Rex Sacrorum, junto a um pontifex minor, oferecia um sacrifício a Iuno e anunciava a data das próximas Nonas, que caíam no Quarto Crescente.
 +
 +
====As Nonas====
 +
 +
As Nonas (''Nonae''), que caíam no quinto ou no sétimo dia do mês, vinham no primeiro dia do Quarto Crescente no ciclo lunar. Nesse dia a [[Rex sacrorum|Regina Sacrorum]] oferecia a Iuno na Regia um cordeiro ou um porco<ref>Lesley and Roy Adkins. "Nonas", ''Dictionary of Roman Religion''. ISBN 0195142330</ref>, e posteriormente os [[feriae]] para o mês inteiro eram anunciados. Antes das Nonas de qualquer mês (com a exceção do [[Poplifugium]]), nenhum feriae publicae era realizado.
 +
 +
====Os Idos====
 +
 +
Por fim, os Idos (''Idus'') vêm no décimo terceiro ou no décimo quinto dia do mês, no primeiro dia da Lua Cheia. Nesse dia um sacrifício era oferecido a [[Iuppiter]], razão pela qual geralmente é observado como ''Feriae Iovi'' no antigo Fasti. A partir daqui os Pontifices determinavam o número de dias remanescentes até a próxima Lua Nova, reiniciando o ciclo.
 +
 +
Os Idos também eram sempre ''dies Nefasti Publici'', dando a eles um status permanente de Feriae Iovi, sem exceção.
  
 
==Dias especiais do calendário==
 
==Dias especiais do calendário==
  
Estas são as regras pronunciadas pelos [[Pontifex (Nova Roma)|pontífices de Nova Roma]], e quebrá-las é ''nefas''.  
+
Estas são as regras pronunciadas pelos [[Pontifex (Nova Roma)|pontífices]], e quebrá-las é ''nefas'' (embora às vezes possam ser expiadas).  
  
 
===''Dies fasti'' [F]===
 
===''Dies fasti'' [F]===
Line 72: Line 92:
 
''[[Feriae]]''
 
''[[Feriae]]''
  
 +
==Referências==
 +
 +
<references/>
  
 
[[Category:Roma Antiga]]
 
[[Category:Roma Antiga]]

Latest revision as of 16:30, 26 October 2010

 Home| Latíné | Deutsch | Esperanto | Español | Français | Italiano | Magyar | Português | Română | Русский | English

No calendário usado pelos romanos, os anos são contados ab urbe condita (AUC), isto é, "desde a fundação da cidade".

Originalmente o calendário romano era, o que agora é considerado, um calendário lunissolar[1] . Esse tinha como intenção alinhar os calendários solar e lunar através dos meios de intercalação[2] .

Contents

As Calendas, as Nonas e os Idos

O calendário romano operava através do uso de três dias principais (as Calendas, as Nonas e os Idos), e eram referência a todas as outras datas fornecidas.

As Calendas

As Calendas (Kalendae), as quais eram sempre o primeiro dia do mês, eram sagradas a Iuno. O primeiro dia do mês, seguindo a operação da parte lunar do calendário, era o dia em que a Lua Nova aparecia. Nesse dia o Rex Sacrorum, junto a um pontifex minor, oferecia um sacrifício a Iuno e anunciava a data das próximas Nonas, que caíam no Quarto Crescente.

As Nonas

As Nonas (Nonae), que caíam no quinto ou no sétimo dia do mês, vinham no primeiro dia do Quarto Crescente no ciclo lunar. Nesse dia a Regina Sacrorum oferecia a Iuno na Regia um cordeiro ou um porco[3] , e posteriormente os feriae para o mês inteiro eram anunciados. Antes das Nonas de qualquer mês (com a exceção do Poplifugium), nenhum feriae publicae era realizado.

Os Idos

Por fim, os Idos (Idus) vêm no décimo terceiro ou no décimo quinto dia do mês, no primeiro dia da Lua Cheia. Nesse dia um sacrifício era oferecido a Iuppiter, razão pela qual geralmente é observado como Feriae Iovi no antigo Fasti. A partir daqui os Pontifices determinavam o número de dias remanescentes até a próxima Lua Nova, reiniciando o ciclo.

Os Idos também eram sempre dies Nefasti Publici, dando a eles um status permanente de Feriae Iovi, sem exceção.

Dias especiais do calendário

Estas são as regras pronunciadas pelos pontífices, e quebrá-las é nefas (embora às vezes possam ser expiadas).

Dies fasti [F]

  • cidadãos comuns podem fazer tudo;
  • magistrados não podem realizar reuniões com comitia tributa, concilium plebis ou comitia centuriata.
  • magistrados curule podem exercer suas funções judiciais.

Dies comitiales [C]

  • cidadãos comuns podem fazer tudo;
  • magistrados podem realizar reuniões com comitia tributa, concilium plebis ou comitia centuriata.
  • magistrados curule podem exercer suas funções judiciais.

Dies nefasti [N]

  • cidadãos comuns podem fazer tudo;
  • magistrados podem fazer tudo exceto realizar reuniões com comitia tributa, concilium plebis ou comitia centuriata e não podem também exercer suas funções jucidiais.

Dies nefasti publici [NP]

  • cidadãos comuns não podem cometer atos de violência física nem iniciar processos judiciais, e devem evitar discussões (embora pequenos debates sejam aceitáveis); além disso, os cidadãos comuns não devem exercer nenhum trabalho físico exceto se for urgente e não puder ser adiado;
  • escravos podem descansar;
  • magistrados podem fazer tudo exceto realizar reuniões com comitia tributa, concilium plebis ou comitia centuriata e não podem também exercer suas funções judiciais;
  • os flamines e os rex sacrorum não podem ver ninguém realizando trabalho físico e podem multar qualquer um que for visto realizando trabalho físico.

Dies endotercisi [EN]

(também chamados dies intercisi)

  • dies nefasti de manhã;
  • dies fasti à tarde;
  • dies nefasti à noite.

Dies fasti principio ou Dies fasti publici [FP]

Há duas interpretações possíveis, que são:

  • dies fasti principio:
    • dies fasti de manhã;
    • dies nefasti à tarde e à noite.
  • dies fasti publici:
    • mesmo que dies nefasti publici.

Quando Rex Comitiavit fas [QRCF]

  • dies nefasti até que os rex sacrorum apareçam na comitia;
  • dies fasti depois disso.

Quando Stercus Delatum fas [QSDF]

  • dies nefasti até que o Templo de Vesta seja limpo;
  • dies fasti depois disso.

Dies atri e dies religiosi (ou vitiosi)

Dies atri e dies religiosi são menos formais mas largamente observados.

Dies atri: dias de má sorte;

  • nenhum ritual religioso poderá ser realizado, tanto público quanto privado;
  • tentar evitar realizar viagens, começar novos projetos ou fazer coisas arriscadas;
  • alguns deuses, inclusive Iuppiter e Ianus, não podem ser nomeados.

Dies religiosi (vitiosi): semelhantes aos dies atri, mas menos ruins:

  • nenhum ritual religioso privado poderá ser realizado, mas públicos podem;
  • tentar evitar realizar viagens, começar novos projetos ou fazer coisas arriscadas.

Nundinae e letras nundinais

Nundinae eram originalmente dias de comércio realizados a cada oito dias, em que os romanos vinham à cidade para fazer negócio. Nos calendários romanos, aos dias eram dados letras nundinais (A a H) para ajudar as pessoas a localizarem facilmente quando seriam os próximos dias de comércio. Esses dias aconteciam em diferentes datas a cada ano.

Vide

Datas romanas

Feriae

Referências

  1. Wikipedia (English): Lunisolar Calendar
  2. Scheid, J., (2003) An Introduction to Roman Religion. (J. Lloyd trans.) Indiana University Press: Bloomington & Indianapolis. ISBN 0253216605
  3. Lesley and Roy Adkins. "Nonas", Dictionary of Roman Religion. ISBN 0195142330

Personal tools